Mandato da Vereadora Soninha Francine

CPI da Migração termina e mandato tem êxito

29 de setembro de 2017

Sobre o relatório final da CPI

A CPI da Política da Migração terminou, mas nosso trabalho não para. O relatório final da CPI trouxe diversas recomendações para a regulamentação da Feira da Rua Coimbra. Instalada há onze anos no Brás, a feira é uma atração cultural – composta também por muitos estrangeiros – que vem passando por sérias dificuldades, e foi um dos temas mais discutidos na CPI.

Uma das sugestões do relatório da CPI para sanar os problemas da Rua Coimbra foi a criação do seu Conselho Gestor. Sim, criação, pois o Conselho existente foi extinto em março de 2016 através da Portaria Conjunta nº 001/SP-MO/SMDHC/2016. Para mediar os conflitos ocorridos entre os comerciantes que participam e os que querem participar da feira, recomendamos que o processo eleitoral e a composição do conselho incluíssem representantes do Poder Público indicados por Secretarias Municipais e pela própria Câmara Municipal.

Permissionários denunciaram irregularidades nas eleições do Conselho Gestor

 No dia 20/09, recebemos a informação de que alguns permissionários da Feira estavam sendo convocados para participar da eleição do Conselho Gestor da Feira da Coimbra no dia 28/09. Estranhamos a celeridade do processo, constatamos a divergência com o que CPI do Migrante havia indicado e concluímos que ele não deveria prosperar.

Mandato da vereadora Soninha deu encaminhamento ao assunto

Depois de alguns telefonemas, ofício com a assinatura de alguns membros da CPI e quase um plantão na Prefeitura Regional da Mooca, conseguimos que a eleição do dia 28/09 fosse cancelada.

Foto da publicação no Diário Oficial do Município de 28/09/2017

Last modified: 29 de setembro de 2017

Comments are closed.

X