Mandato da Vereadora Soninha Francine

Covid-19: Comitê garante direitos e ações para tratar população em situação de rua

22 de abril de 2020

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania, informa que as reuniões de trabalho do Comitê Intersetorial da Política Municipal para a População em Situação de Rua (Comitê PopRua) estão ocorrendo semanalmente, por meio de plataformas virtuais, com a participação dos conselheiros da sociedade civil e de governo. As discussões têm sido voltadas para a garantia de direitos da população em situação de rua no contexto específico da pandemia. Devido ao coronavírus, as reuniões presenciais estão suspensas.

Diversas ações têm sido tomadas para atender à população de rua na capital, como o aumento de vagas em centros de acolhida, instalação de pias e banheiros para higienização da população. As abordagens de assistentes sociais foram intensificadas e, nesse contato diário, os profissionais reforçam os cuidados necessários para evitar a contaminação pelo coronavírus e convidam as pessoas para se dirigirem a um equipamento público. A Prefeitura criou sete novos equipamentos emergenciais, com funcionamento 24h, abrindo 594 novas vagas para pessoas em situação de rua.

No Núcleo de Convivência da Luz foram instalados banheiros para os usuários. Há também banheiro montado na Rua General Osório e pias para higienização foram instaladas próxima à Praça Isabel. Um caminhão da Sabesp está fornecendo água para todos. A Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS) está distribuindo, em média, 400 kits de higiene aos usuários das 11 pias semanalmente.

A distribuição é realizada por assistentes sociais do Serviço Especializado de Abordagem Social (SEAS) e cada kit contém dois sabonetes, duas escovas de dentes e um creme dental. O usuário também é orientado sobre o manuseio correto do kit, que é de uso pessoal, assim como é orientado quanto à forma correta de manter a higiene pessoal.

Além disso, a Prefeitura lançou a Ação Vidas no Centro, realizada pelas Secretarias Municipais de Assistência e Desenvolvimento Social e de Turismo. De 4 a 16 de abril foram realizados 49.032 atendimentos nas 7 estações de banho e banheiros localizadas no Triângulo SP e Centro Histórico. A média diária é de 3.000 atendimentos. Também foi lançado o programa Cidade Solidária, com o objetivo de unir o poder público e a sociedade civil para atender às pessoas em situação de vulnerabilidade.

Núcleo de Convivência

Na região da cracolândia, foi instalado um Núcleo de Convivência de caráter emergencial, para servir refeições à população local. Desde 26/03, estão sendo servidas 200 refeições por dia (almoço e café da tarde).

Outro núcleo começou a funcionar no dia 3 de abril, na região do Cambuci, com capacidade de oferecer café da manhã, almoço e café da tarde para 200 pessoas.

A rede municipal conta com 10 Núcleos de Convivência, com 3.172 vagas. Além das refeições, os usuários têm acesso a banheiros e kits de higiene, onde podem tomar banho e receber as orientações. Para os Núcleos de Convivência da Sé, Chá dos Padres, Prates e Porto Seguro, foram aditados em caráter emergencial mais 1.260 vagas.

Pias para higienização das mãos

A Secretaria Municipal das Subprefeituras instalou 11 pias na região central para auxiliar as pessoas em situação de rua a efetuarem a higienização das mãos, nesse período de pandemia da covid-19. Com água potável fornecida pela Sabesp, as pias foram instaladas nos seguintes locais: Praça da Sé, Praça Ouvidor Pacheco e Silva, Largo São Francisco, Largo Paissandu, Pateo do Collegio, Praça da República, Largo do Arouche, Parque Dom Pedro, Largo General Osório e Praça da Liberdade e Praça Princesa Isabel.

A SMADS, por meio do Serviço Especializado de Abordagem Social (SEAS), começou a disponibilizar funcionários para fornecer orientações sobre a higienização das mãos e distribuir sabonetes nos pontos das pias comunitárias instaladas na cidade. Foram distribuídos 3,6 mil kits de higiene por meio de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania junto à empresa Colgate, por meio da Cruz Vermelha.

Fonte: site da Prefeitura de São Paulo
CompartilharShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Last modified: 22 de abril de 2020

Comments are closed.

X